quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Histórias do Sudão - a partir da semana que vem

Voltamos. Ronaldo Dias e eu vivemos 15 intensos dias no Sudão. Como os primeiros jornalistas da América Latina a entrar no país, vimos de perto os resultados de uma ditadura covarde que se perpetua no poder há vinte anos. Seus 40 milhões de habitantes vivem na pobreza, enquanto seus comandantes trabalham e dormem em palácios.
A miséria se tornou ainda mais intensa após anos de guerra civil. O presidente do Sudão, Omar al-Bashir, é acusado de crimes de guerra e é hoje um homem procurado pela Interpol. Se sair de seus país, será preso. Pressionado pela comunidade internacional, o ditador assinou um acordo de paz e convocou eleições diretas para 2010. Claro, ele é candidato. Pelo país, estão espalhadas milhares de fotos de Omar al-Bashir. Só dele e de mais ninguém.
Temos muitas histórias pra contar: chegamos perto do ditador-presidente que se esconde, fomos presos pela polícia sudanesa, estivemos no campo de refugiados de Darfur, conhecemos o mercado de cabras e camelos em Kandahar, próximo da capital Kartum, discutímos muito (em inglês e em português) com integrantes do governo sudanês, visitamos as abandonadas pirâmides do norte e, claro, tivemos algumas dores de barriga. São só alguns exemplos. As matéria irão ao ar no SBT no início de janeiro. Nos próximos dias, começo a contar aqui os bastidores de uma viagem inédita ao maior país da África.
Por enquanto, Feliz Natal a todos e um 2010 com muita saúde, paciência e perseverança.


2 comentários:

  1. Com essa equipe tenho certeza de que mais uma grande reportagem iremos ver na TV.parabéns e que 2010 seja replete de realizações.ABRAÇÃO Rafael Mejias

    ResponderExcluir
  2. oi fabio sua reportagem sobre o sudao foi otima.bom as vezes eu penso que voce tem parentesco com o cabrini pq vcs 2 formam uma otima dupla

    ResponderExcluir